quarta-feira, 16 de setembro de 2009


Absorvi a tua perfeição.
Pretendo que as nossas vidas se transformem num círculo fechado,bem fechado...para que não haja saída possível para "nós". [Mas porquê?],pergunta a outra face da minha história sem,ainda um traço final.
Respondo,afirmando basicamente:"Porque me fazes crescer noutro plano, num outro mundo."
Palavras inexistentes é uma das minhas realizações. Faço dessas palavras,de cada letra,de cada sombreado,as minhas lágrimas,ou ,todavia ,o meu sorriso.
Em cada letra exposta, transporto , lentamente , os meus sentimentos,a minha cor,o meu exercicio,a minha energia...mas especialmente,o meu estômago textual.
Vou andar...correr...nadar...voar,para ir ter contigo,para te observar,cuidadosamente.
Depois de tal leitura física e psicológica,o íman presente nos meus lábios,tocará intensamente e ,velozmente, a tua boca.
Conseguirei eu fazer-te brilhar mais que o sol? A tua consciência dirá.




1 comentário:

  1. Adoro os teus textos...
    São muito inspiradores...

    Beijinhoos, Ritaa :b

    ResponderEliminar